ComércioDestaqueEscolarServiços

Razão Social – A Essência

Toda empresa constituída tem que aprovar na Junta Comercial a sua “Razão Social”. É assim que ela ficará reconhecida como uma Pessoa Jurídica. Mas poucos empresários se dão conta da essência dessa denominação: “Razão Social”.

Eu acredito que isso signifique a razão pela qual a sua empresa exista e qual o seu propósito social. Em poucas palavras, é o que a sua empresa irá contribuir para a sociedade. É o seu real motivo de existir. 

Isso significa que devemos, mesmo antes de nos preocuparmos em encontrar um nome bacana, definir o seu propósito, respondendo a pergunta: O que a minha empresa irá contribuir socialmente? 

Quando isso ficar muito bem definido, as coisas se tornarão mais clara para você conduzir o seu negócio baseado em um propósito. O bom disso, é que a sua empresa terá uma missão bem definida que conquistará mais facilmente a empatia do seu cliente e a dos seus funcionários. 

Segundo pesquisa publicada na Revista Você RH, 58% das empresas com um propósito claro, apresentaram um crescimento superior a 10% em seus resultados nos últimos 3 anos. Por outro lado, 42% das empresas sem um propósito sofreram queda na receita nos últimos 3 anos, enquanto 85% das movidas por um objetivo, tiveram aumento. Além disso, 75% dos funcionários mais satisfeitos com a vida pessoal e profissional, dizem que a sua empresa tem um forte senso de propósito.

Se a sua empresa ainda não possui uma “Declaração de Propósito” está na hora de começar. E não é só colocar em um papel, mas tornar a sua conduta de atuação. E se precisar de ajuda, pode nos procurar. Teremos o maior prazer em ajudá-los, porque esse é o nosso propósito.


Por Evandro Faria Publicitário por formação, possui especializações em Comportamento do Consumidor pela FGV, Project Manager pela George Whasington University e Atendimento ao Cliente e Qualidade de Serviços pela Disney Institute.